Quem é você?

No Comments

Quem é você?

Parece uma pergunta coloquial e simples, mas será mesmo?

Muitas são as pessoas que dizem tal frase: quem é você, ou quem é o fulano, quem é esta pessoa?

São inúmeros as hipóteses que são levantadas diante disto, mas a pergunta que não quer calar advém a tal questionamento, pois psicologicamente a quando se faz tal questionamento o que no fundo se pretende, qual seria a real razão e a profundidade desta aparente pergunta?

As pessoas passam dias, meses e anos ao longo da vida sendo expostas há inúmeros conflitos emocionais que podem remeter a pessoa que hoje está passando por uma determinada situação que outrora poderia ser resolvido de várias maneiras, mas que por mais que a pessoa se empenhe a tentar resolver parece que as respostas estão longe de aparecem.

O ser humano em si, entre em determinados conflitos que a mente humana as vezes parece o que o coloca em uma situação de desespero, a tal ponto do anular as respostas que possivelmente resolveriam tal situação, devido a pessoa estar tão ansiosa, que ela não consegue perceber que o excesso de preocupação não vai trazer a ela as respostas.

Pelo contrário, a própria física nos mostra que as maiores descobertas foram realizadas no momento onde a mente estava mais calma. Se você for estudar a fundo as maiores descobertas, bem como os maiores inventos foram elaborados num momento ímpar.

Devido a excessiva cobrança em resultados hoje em dia, são inúmeros os casos de pessoas altamente inteligentes que por excesso de preocupação, por stress elevado, falta de organização em seus projetos devido ao desejo frenético de fazer tudo ao mesmo tempo,acaba por menosprezar o que é mais simples e muitas vezes a resposta se encontra na simplicidade.

Mas ser simples, muitas vezes requer sabedoria, portanto neste momento de sabedoria é onde se difere as pessoas, pois o agito tanto emocional quanto físico, a busca em resultados rápidos e com uma força sagaz de alcançar a qualquer custo a satisfação acaba por neutralizar as respostas que vem em sua mente quando a pessoa aprende a viver de maneira mais tranquila.

Ser tranquilo não significa estar indiferente, muito pelo contrário, estando tranquilo em seus pensamentos, você vai conseguir foco, vai conseguir direcionar seus pensamentos em prol das soluções.

As pessoas sofrem muito hoje dia, pois querem vencer, mas não notam os detalhes, não percebem que o processo é tão importante quanto a conquista.

Você observa que existem pessoas que se dizem focadas em resultados e buscam bater metas e mais metas, traçam planos, buscam de alguma forma melhorar seu desempenho, quanto a isto tudo bem, desde que isto não lhe custe a sua própria vida.

Pois o que adianta você correr de um lado para o outro desesperado, em busca de resultados rápidos e acabar tento um infarto, um colapso, uma fadiga, um stress exagerado e podendo até gerar em você uma sensação ruim, pois você por mais que luta parece que nada sai do lugar, pois você está com sua mente focada apenas no resultado final, que não percebe a importância dos detalhes durante o processo.

Estar em paz consigo mesmo, estar em equilíbrio com você, buscar diariamente neutralizar aquilo que está te derrubando é muito importante para seu crescimento em sua vida, em sua carreira.

Não basta você trabalhar sem parar, isto você já tentou e não deu certo, não é?

Ficar se remoendo em seus problemas sem buscar a causa real também você já tentou, do seu jeito e nada?

Mas tanto você por estar ansioso, preocupado e com medo de não alcançar êxito, acaba por não se notar, não dar a devida atenção a você!

Talvez você diga: que sempre que pode você vai viajar, que todo final de semana sai para distrair, jogar bola, fazer um churrasco com os amigos e família, etc…

Mas eu te pergunto se tudo isto que você faz já é o bastante então porque você continua triste, porque desta ansiedade, este stress que insiste em ficar, seja sincero com você mesmo, para pensar, você já buscou ganhar dinheiro e parece estar numa tristeza que você até tenta disfarçar diante das pessoas, você dá risada, bebe bastante, parece uma pessoa alegre.

Porém quando a festinha acaba, quando os holofotes da vida não estão mais em você, a tristeza começa a correr seu coração.

Parece que você tem um enorme buraco em seu peito, que não é preenchido, mas você tenta disfarçar, tenta minimizar tal situação com mais compras,com joias, com viagens, com roupas novas, etc…

Mas tudo isto quando você vai dormir, quando a noite chega, o seu travesseiro se torna seu terapeuta?

Você acorda a noite e fica se perguntando onde foi que você errou?

O que você está fazendo da sua vida que não está dando certo?

Mas a noite vai passando você lá pela madrugada acaba por tirar um cochilo te tanto cansaço e acorda com um enorme peso nas costas quando se levanta parece que você novamente vai ter que se vender, vai ter que se corromper, se mascarar, se anular é isto mesmo se anular, viver se cancelando, deixando seus sentimentos escondidos no seu closet, vai para o trabalho e lá também começa colocando os seus sonhos dentro das suas gavetas e começa a esquecer de quem você é?

Quem de fato você é?

Não aquele personagem que você criou para disfarçar o vazio deixado por anos de abandono de você mesmo, talvez você desde cedo vem trazendo um trauma psicológico que você finge que superou sozinho?

Você passa seus dias angustiado pois tenta esquecer seu passado para não lembrar do que você ainda deixa de magoar, te escravizar mentalmente você está mal, mas quer sorrir para os outros não perceberem aquilo que você mesmo está cansado de esconder, pois tem vergonha de se aceitar, tem medo do que vão pensar de você?

Tem medo de enfrentar você mesmo?

O medo do que as pessoas pensam de você?

Enquanto você viver assim quem vai estar perdendo é você, entenda que você está se prejudicando quando você se abandona, em prol dos outros.

Você não é um instrumento cirúrgico,você não é uma ferramenta para ficar nas mãos dos outros, então PARE DE SOFRER!

Aprenda a cuidar dos seus sentimentos, aprenda a lidar com você de verdade, aprenda a ser sincero com você!

Você é uma pessoa inteligente, então pense um pouquinho: será que vale a pena continuar fingindo que você é feliz?

Será que realmente vale a pena mentir para si mesmo?

A vida é muito curta para você esconder-se atrás desta cortina emocional criada pelos mecanismos de defesa de sua mente.

Vença esta sua indiferença de si mesmo, cuide de seu bem mais precioso que é sua saúde mental.

Se você não cuidar da sua mente o que adianta você cuidar do resto, pois a mente é quem administra tudo, a mente é onde você está, onde está todas suas lembranças, todo seu passado, todos seus conflitos, todos seus projetos, tudo aquilo que você sonha em ter no futuro depende de você hoje.

O que adianta você ficar ansioso diariamente em prol deste seu futuro, pois se você não cuidar bem de sua mente, seus próprios pensamentos negativos podem destruir o seu futuro.

Aprenda a conhecer você, estude você, aprenda mais sobre os seus sentimentos, aprenda a lidar com tudo o que acontece com você emocionalmente.

Talvez você até hoje não se deu a oportunidade de se conhecer!

Talvez até hoje você nunca buscou fazer uma psicoterapia para resolver aquilo que você traz ocultado na sua mente a anos, pois que consegue esquecer, realmente você conseguiu se esquecer, a tal ponto de nem lembrar de você mesmo!

Você lembra de comprar suas coisas, você lembra de passear, você lembra de quase tudo, menos de você, por que será?

Será que você não deveria se valorizar?

Será que você vai ficar se desprezando até quando?

Você vai ficar a vida toda assim, achando que não tem jeito, sabendo que você mesmo pode hoje mudar esta situação?

Seu futuro está nas suas mãos, estamos em 2017 e você pode a partir de agora, começar a sair desta preocupação excessiva, ser feliz de verdade.

Você tem sim, a possibilidade de se conhecer, você pode sim trabalhar questões que te perturbam a anos, você quando fica sozinho você sabe o que dói lá no fundo, a dor da alma, a tristeza que insiste em permanecer, seja sincero com você, a vida está nas suas mãos você pode dar valor a você e começar a fazer este ano ser realmente um ano novo em sua vida.

Faça psicoterapia e vença aquilo que está te vencendo! PARE DE SOFRER, a oportunidade está em suas mãos!

Procure um(a) psicólogo(a) que possa te ajudar neste processo.

Se você se identificou comigo e gostaria que eu te atendesse será uma honra te ouvir!

Imagino quanta coisa temos para conversar, quanta coisa você tem para me dizer e será um prazer ouvir você, sua história de vida, tudo que você passou e tudo o que você tem passado e tem até hoje sofrido calado agora você vai poder desabafar, você vai poder cuidar de você, cuidar de sua mente, saiba que você tem muito valor.

Entre em contato e agende sua consulta:

Whatsaap: 19-98294-4904

Email: reginaldopsicologia@gmail.com

Site: www.reginaldobernardes.com.br

FAN PAGE:  Clinica de Psicologia & Consultoria – Bernardes Consulting

Reginaldo Bernardes

Psicólogo, Palestrante e Consultor

CRP: 06/118.526

Clínica de Psicologia & Consultoria –Bernardes Consulting.

 

 

Crise ou Insegurança?

No Comments

Crise ou Insegurança?

Será mesmo que você foi afetado pela crise, ou será que a crise que te afeta está dentro de você?

Existem inúmeras pessoas neste momento que ficam revoltadas com a situação do país, a infração só aumentando, as pessoas cada dia mais entristecidas, preocupadas, com medo das alterações na economia, a política do nosso país que a cada dia tem uma alteração uma troca de cadeiras.

Existem uma preocupação coletiva que acaba gerando um clima de insatisfação, as pessoas ficando insatisfeitas com o situação econômica do país, com a política e acabam ficando desanimadas e desesperançadas com o futuro.

Vemos que as pessoas estão a cada dia mais ansiosas e deixam de alguma maneira esta ansiedade gerada pela situação do país, trazer uma angústia, um medo que faz com as pessoas ficam assustadas com todas e ficam inquietas, inseguras sem saber que decisão tomar, pois estão com tantas dúvidas e incertezas que acabam por tomarem decisões erradas em suas vidas.

Então percebemos que as pessoas são através da mídia sugestionadas a tomarem decisões embasadas em um conceito ditado pela sociedade que muitas vezes impacta direta ou indiretamente na vida das pessoas. Vivemos em um mundo globalizado, então uma decisão errada pode prejudicar a vida não apenas daquela pessoa, mas de todo um aglomerado de situações geradas pela aquela decisão.

Infelizmente existe um conceito que as pessoas fazem de si mesmas, que as tornam um tanto quanto sugestionadas a serem o que os outros querem que elas sejam e não o que elas realmente são de fato. Esquecem de olhar para o espelho e verem que o tempo está passando e elas estão deixando seus projetos de lado, porque esquecem delas mesmas e focam em fazer para os outros, trabalham para os outros, vivem pelos outros, e sua vida acaba nas mãos dos outros. Então ela perde o controle e domínio de suas decisões se tornam subservientes de outros e não sabem mais o que são elas mesmas.

A sociedade acaba por destruir gradativamente os sonhos daqueles brasileirinhos que lá atrás quando crianças não eram aprisionados pelas cadeiras mentais, que a sociedade hoje as interpõe. Você quando criança tinha sonhos, projetos, desejos que foram abandonados, engavetados porque você deu vazão aos pensamentos de terceiros. Deixou que a negatividades das pessoas destruíssem seus sonhos. Permitiu que sua vida fosse abandonada e você criou o que você chama hoje de sua vida. Mas isto não é a sua vida, isto é parte de sua vida, isto é a vida que deixaram para você. Que você permitiu consciente ou foi induzido a acreditar que a vida era assim mesmo.

Mas não é não! Quer ver um exemplo que acontece o tempo todo e as pessoas não se dão conta que estão deixando suas vidas para viverem aquilo que os outros a sugestionam, acompanhe:

Meu caro este exemplo que vou citar acontece em todas as profissões, em todas as classes sociais, infelizmente as pessoas estão sendo manipuladas pela falta de se conhecerem, conhecerem a economia, aliás me perdoem os economistas, as pessoas não conhecem a economia, vocês economistas conhecem a economia as pessoas conhecem parte do que a mídia chama de economia, mas os economistas tem uma visão mais apurada de fato e saber que nem tudo que é mostrado na mídia é de fato a realidade mais parte de uma realidade recortada, editada e focada em um único ponto.

Vamos imaginar o seguinte exemplo, acompanhe:

Read More

Categories: Motivação, Saúde Tags:, ,

Relação corpo e mente!

No Comments

Você está sendo acometido por um problema de saúde e tem procurado os médicos relatando problemas em diversas partes do corpo, então são feitos vários diagnósticos e constatados os problemas físicos, inicia-se os tratamentos com base em medicamentos você trata os sintomas e aparentemente o problema desaparece, volta ao médico faz novos exames clínicos e laboratoriais e fica feliz pois o problema foi solucionado.

Porém passa um tempo você começa a sentir os mesmos sintomas, volta ao médico e novamente relata o mesmo problema, mais uma vez você toma a medicação indicada segue a risca as orientações e o problema desaparece. O tempo passa e novamente ali está o problema novamente.

Aí eu te pergunto será que você compreendeu de fato o que está acontecendo com você?

Read More

Vencendo a TIMIDEZ

No Comments

5 passos para vencer a TIMIDEZ

Você é tímido?

Quem em algum momento da vida não passou por isso, muitas pessoas ao longo para vida apresentam momentos de timidez. Porém o que venho ressaltar aqui é uma reflexão sobre os motivos e as consequências da timidez.

Primeiramente precisamos compreender que a timidez faz parte da vida das pessoas, um processo natural que cada um de nós passa ao longo da vida, alguns na infância, outros na adolescência e outros em toda vida.

Mas é importante ressaltar que estar tímido é completamente diferente do que ser tímido.

Read More

Categories: Motivação, Saúde Tags:, ,

Desejo de suicídio

2 Comments

Aqui vai meu respeito a todas as pessoas que tiveram um ente querido que passaram por esta perda na família. Infelizmente sei que há muitos pensamentos: de pesar, sentimentos de culpa, aí vem a seguinte pergunta será que a culpa é minha, que não percebi os sinais e agora o que eu faço com este sentimento?

São muitas perguntas que afloram a mente de um familiar que teve um ente querido envolvido nesta situação tão delicada que merece o nosso respeito e carinho acima de tudo pois são mães, pais, irmãos, filhos que hoje sofrem a perda desta pessoa tão querida que hoje não se encontra mais entre nós.

Read More